• Monique Costa

Violence Voyager: uma bizarra aventura infantil

Poucos são os filmes que conseguem nos causar os sentimentos que Violence Voyager (Baiorensu Boijâ) causam. Dirigido por Ujicha, com estreia em 2018, o filme é uma animação japonesa nos moldes de uma peça teatral de fantoches de papel que promete causar aquela incrível sensação de "o que foi isso que eu acabei de ver?".


A trama segue o fatídico dia em que Bobby (Aoi Yuki) e seu melhor amigo Akkun (Shigeo Takahashi) decidem atravessar a montanha para visitar um colega que havia se mudado. E apesar dos minutos iniciais já causarem certa estranheza, o filme ainda pode enganar os mais desavisados com suas cores, crianças e animais felizes.



O problema começa quando, no meio do caminho, as crianças encontram um panfleto sobre um parque de diversões pelas redondezas. Animados com a possibilidade de uma nova aventura, decidem mudar seus planos e fazer uma visita ao local. Lá, conhecem o Koike (Tomorowo Taguchi) e sua filha, que logo tratam de explicar as regras e condições.


Depois de devidamente uniformizados e equipados para a aventura, os meninos parecem se decepcionar com o nível de qualidade das atrações, mas logo tratam de aproveitar o quanto podem. Somente quando se deparam com uma garota desacordada que as coisas começam a ficar realmente esquisitas: eles sofrem diversos ataques, e ao buscarem refúgio, descobrem que há diversas outras crianças que estão presas no local há dias, impossibilitadas de fugir.


Tudo o que se segue a partir desse ponto é uma viagem pela ficção científica e body horror que alguns ousam em chamar de uma mistura entre Junji Ito e David Cronenberg. Mas mais do que referenciar grandes nomes, Violent Voyager consegue ser uma obra singular e instigante por todos os elementos que traz nessa bizarra aventura infantil.

Baiorensu Boijâ (2018)

Trailer | IMDb | Leterboxd | Filmow


Direção Ujicha

Duração 1h24min

Gênero(s) Terror, Animação, Aventura, Comédia

Elenco Aoi Yuki, Naoki Tanaka, Shigeo Takahashi, Daisuke Ono +


  • Deezer - Black Circle
  • iTunes - círculo preto
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now