• Thaís Vieira

A Ilha da Fantasia, sem graça

Antes de mais nada gostaria de dizer que sou uma grande fã de algumas produções da Blumhouse, na minha singela opinião é uma das produtoras que se permite inovar e cria com certa frequência alguns filmes interessantes quando quer, claro. A Caçada e Correndo Contra o Tempo são bons exemplos de ideias legais advindas de roteiristas conscientes dirigidas por mãos singulares, contudo, não posso dizer o mesmo de A Ilha da Fantasia.


A estória se passa em uma ilha que tem poderes mágicos e faz com que a fantasia de seus hóspedes se torne realidade de forma momentânea, no entanto, nem sempre tais desejos são atendidos de forma linear e coisas estranhas passam a acontecer com os personagens encabeçados por um extremamente forçado Michael Peña como host do hotel Sr. Roake, seguido de uma sem graça Lucy Hale interpretando Melanie, e Maggie Q como Gwen acompanhada de Portia Doubledav dentre outros rostos não tão conhecidos.



A premissa como um todo é diferente e atrai o espectador desavisado, entretanto, o desenrolar e as atuações não contribuem para que sejamos capazes de nos fixar no que está sendo exibido. A disparidade entre a premissa e o péssimo aproveitamento não somente do espaço da ilha como um todo e o próprio misticismo de um dos elementos presentes na ilha que fazem com que os desejos daqueles que a frequentam se tornem realidade é uma pena, provavelmente se contasse com um argumento mais coerente e direção mais fluida poderia ter surtido um efeito mais expressivo.


Apesar de se tratar de um terror este é muito leve, e não, isso não é um problema mas as poucas cenas além de não trazerem nada de novo não expressam alma suficiente para se sustentarem por si só. Não conseguimos nos apegar a quaisquer dos personagens dado sua falta de originalidade e profundidade. Os atores até tentam, mas fica difícil se distanciar dos estereótipos preestabelecidos e para além disso tem a questão da dança entre gêneros que também não é inválido se há um bom trabalho de costura entre eles o que no caso aqui não há. Enfim, vale assistir pra saber que fim terão os personagens e suas estórias mas não reclame quando finalmente chegar ao final.


A Ilha da Fantasia (2020)

Fantasy Island


IMDb | Rotten Tomatoes | Letterboxd | Filmow

Direção Jeff Wadlow

Duração 2020

Gênero(s) Terror, Aventura, Suspense, Fantasia

Elenco Michael Peña, Maggie Q, Lucy Hale+


Posts recentes

Ver tudo